A salinha de TV

Quando cheguei pra morar nessa casa ela tinha acabado de ser construída e parece que tinha sido feita pensando nas minhas necessidades. Ok, é uma casa relativamente grande e eu poderia viver em um lugar bem menor, mas ter um local onde eu teria espaço pra pensar “Poxa, aqui vai ser o escritório” e “Ali, a sala de TV”, “Aqui eu posso fazer uma área de brincar”, é um luxo, né mores? Vantagens de quem mora no interior e tem aluguel mais em conta, somente.

Então no piso superior tinha um espaço e imediatamente pensei em fazer algo bem aconchegante, onde eu pudesse “morrer” nos dias de bad ou cansaço, onde eu pudesse ficar à vontade de calcinha vendo Netflix ou trabalhando no sofá no dia que o escritório tivesse uma bagunça. Uma salinha íntima pra que meus pioios ficassem livres pra colocar os pés no sofá enquanto jogam vídeo game ou que a pizza de sexta fosse apoaiada num banquinho e todo mundo fosse comendo com a mão mesmo, sem se preocupar se as migalhas estão caindo no tapete.

Consegui. Eu amo a minha casa, me vejo em cada quadro posto na parede, e esse espaço é bem isso mesmo, lugar pra ficar sem cerimônias e se jogar.

Preciso fazer um novo tour pela casa, mostrando como as coisas estão após um ano morando aqui. Nesse piso superior temos mais 1 suite, dois quartos, um banheiro social e uma varanda, e já considero que tirando um detalhe que falta aqui e ali e a varanda que ainda não tem absolutamente nada (ainda), tá tudo decoradinho e pronto. Já mostrei o quarto das crianças, lembram? Tem o quarto de hóspedes que também é closet e já postei também. Volto logo mais mostrando o que falta =)

Como sempre me perguntam as referências, então vamos lá pipous:

O buffet da TV é da Aprimore, os banquinhos rosa são da Intercasa, o tapete colorido foi lá lá Benedito Calixto comprado há uns 10 anos. A luminária é da Tok&Stok, todos os quadros são da Moldura Pop, as prateleiras diamante são da DaVó (minha antiga loja) e sofá foi feito sob encomenda e também já é bem antiguinho. A cor da tinta roxa na parede é a Papoula,da Iquine. no post ensino até a fazer uma pintura perfeita =)

COMPARTILHE
Ana Medeiros
É a neta de D. Edite. Ana comanda o #ACQMVQ e vive diariamente decorando aqui e ali. Trabalha home office produzindo conteúdo para o blog e outras empresas das internetes. É mãe de dois pioios lindos, ama comer, desaguar nas palavras, e não dispensa uma caipirinha no fim de semana. Sabe que ser livre também é perder o controle, que morar é mais do que habitar e que um abraço apertado é melhor que banheira de ofurô.
Faça seu comentário

1 Comentário

Deixe um comentário

Por favor, deixe um comentário
Por favor, informe seu nome