Nos despedimos com dorzinha no coração da nossa atual casa e agora chegou a hora de mostrarmos onde iremos morar. Para manter a tradição, gravei novamente um vídeo fazendo um “home tour” (Lembram que fiz o mesmo há dois anos e meio?) com a casa ainda sem mobília.

O vídeo foi feito meio no improviso, já que não fui preparada para gravá-lo (Tive a ideia lá na hora) e estávamos com as crianças. Falando nisso estou dividida em quatro partes: Cabeça, tronco, bucho e membros. Carregar o pioio no sling é algo maravilhoso e ingrato com as localizadas pós paridas.

Também tivemos outro probleminha na edição e acabamos excluindo definitivamente o vídeo que tínhamos salvo em alta resolução, sim gente, é muito azar. Mas como salvamos uma versão em baixa resolução pra visualizarmos antes, acabei colocando ela mesmo só pra não perder a viagem, hahahaha. Configure pra assistir na melhor resolução que puder, combinado?

Aproveita e clica aí no botãozinho abaixo para se inscrever  no nosso canal. Vem muuuitos vídeos por aí!

 

Como vocês já sabem, estamos de mudança de casa essa semana e super animados com essa nova fase. Mas revirando o baú ontem, encontrei um post antigo onde mostrei minha sala no ap lá do RJ. Bateu uma saudade instantânea e avassaladora dessa época (Lá em 201o/2011).

É muito interessante perceber que toda vez que renovamos de casa ou a casa, compramos móveis e trocamos os objetos decorativos, o que está em nossa volta pode mudar completamente, o estilo adotado pode ser outro bem diferente, mas existe uma essência que é muito nossa, e que mesmo com o passar dos anos, das experiências e lugares, ela permanece. Concordam?

sala-ana-medeiros-1-1024x681

sala-ana-6

Nosso blog é acessado diariamente por profissionais e estudantes de arquitetura e design, blogueiros e demais amantes dessa arte que envolve cores, texturas e alguma noção de composição e espaço.

O que talvez vocês não saibam, é a forma como essas postagens do blog são feitas. Quais os programas e recursos que utilizamos para deixar as publicações com esse visual que vocês vêem.

É claro que nem sempre temos tempo para fazer postagens super bem produzidas, cheias de montagens e ilustrações e fotografias autorais, mas é indiscutível a necessidade de deixar o conteúdo bem apresentável para os leitores, com fotos de qualidade, organizadas e quando necessário, com desenhos ilustrando os conceitos que estamos tentando passar.

Existem inúmeras possibilidades de “montar” as postagens, mas com o passar dos anos e após algumas experimentações, chegamos a um “pacote” que nos atende de forma prática e rápida, e falarei sobra cada um desses itens agora:

_ferramentas_essenciais_para_blog

Máquina fotográfica.

É indiscutível a necessidade de uma câmera capaz de capturar imagens com qualidade, ainda que o equipamento sozinho não seja garantia de boas fotos. A câmera é sem dúvida um grande aliado para se produzir conteúdo bacana.

No nosso caso, utilizamos uma Canon EOS Rebel T3i (foto). Que nos auxilia não só nas fotos dos projetos passo a passo como também nas filmagens.

02_camera_canon_t3i

Editor de imagens.

Uma vez que as fotos foram capturadas pela câmera, chega a hora de fazer alguns ajustes antes de preparar as montagens que serão publicadas no blog. Ajustes simples, como melhorar o brilho, contraste ou saturação pode ser feito rapidamente pelos editores de imagem.

Além dos ajustes simples, também é preciso fazer correções, é o caso de quando aparece algo indesejado na foto que não foi notado no momento da captura, e como nem sempre há uma segunda oportunidade de fotografar, a correção é feita pelo editor de imagem.

O editor que usamos é o Photoshop.

03_EDITOR_IMAGEM

Editor de vídeos.

Outra ferramenta fundamental para produzir conteúdo é um editor de vídeos. E mais uma vez esbarramos com muitas opções, a mais comum e fácil talvez seja o Movie Maker do Windows, mas para os que buscam uma solução mais profissional, eu recomendaria o Premiere da Adobe, que é programa que usamos.

04_EDITOR_video

Desenho vetorial e diagramação.

Quando precisamos passar alguma informação por meio de ilustrações ou até mesmo para fazer diagramações e montagens, priorizamos o Illustrator da adobe, mas o Corel também está na lista dos mais utilizados por aí.

Tanto um quanto o outro atende bem a essa finalidade, mas se você já optou pelo Premiere e o Photoshop como ferramenta nos tópicos anteriores, talvez seja interessante também utilizar o Illustrator da Adobe. E nem digo isso por causa de intercambio entre arquivos, é mais por economia mesmo, já que a Adobe conta com um sistema de utilização de todas as suas ferramentas por meio do Criative Cloud, onde você paga uma mensalidade de pacote anual bem acessível.

05_vetorial

Projeto tridimensional.

Fui treinado em minha formação profissional a projetar desenhando. A principio na mão, posteriormente produzindo desenhos técnico no Cad e depois maquetes eletrônicas no 3Dmax. Tudo mudou depois que conheci o SketchUp.

Programa fácil e intuitivo, até para os que não são profissionais da área. É capaz de modelar e alterar tridimensionalmente como se você estivesse rabiscando no papel. Bom para visualizar se aquela idéia é boa mesmo e prever alguns problemas de execução.

Hoje é minha ferramenta de projeto favorita. Até mesmo para produzir desenhos simples de execução.

06_sketchup

E como aprender esses programas todos?

Bom pessoal, nunca fiz curso de qualquer programa, apesar de já ter sido professor de AutoCAD.  Para os interessados em aprender essas ferramentas, eu recomendo muito a pesquisa por vídeo aulas no Youtube e demais tutoriais que houverem por aí. Não é difícil de achar, mas na dúvida, listarei alguns links interessantes aqui em baixo ok?

Abraços e até a próxima.

Links:

Adobe Creative cloud: http://www.adobe.com/br/creativecloud.html

Para baixar SketchUp: http://www.sketchup.com/pt-BR/download

Site com vídeo aulas de edição de vídeo, photoshop e muito mais: http://www.gugalamenha.com/

Site com tutoriais de Illustrator: http://vectips.com/

Site com modelos prontos para inserir no SketchUp: https://3dwarehouse.sketchup.com/

Tem mais algum link legal pra compartilhar com a gente? Então posta aí nos comentários!

Vocês sabem o quanto amo cores, vivo falando aqui no blog da minha paixão por decoração colorida. Mas é muito chato quando escolhemos tudo com todo o carinho do mundo para a nossa casa e depois de um ano – ou pouco mais – cortinas, tecidos, sofás  ficam com aquela cara de velho por causa do desbotamento.

Nunca tinha parado pra pensar, e talvez você também não, sobre a grande causa desses desbotamentos, das cores sumirem na nossa decoração. Leitores queridos meu coração, fiquem de olho também na forma como você protege a sua casa, pois os temidos raios UV estão por ai.

Quando ainda morava no RJ, nos mudamos para um apartamento onde o sol batia em todos os cômodos (parece piada) a tarde inteira, um verdadeiro inferno. Passamos quase um ano nesse ap e acabamos quebrando o contrato de locação e nos mudando pra outro lugar porque não aguentávamos viver o dia todo com o apartamento escuro e cheio de cortinas e blackouts. Se você passa por algo parecido, sabe muito bem do que estou falando e o quanto é estressante morar assim, até parece que estamos dentro de um forno ne?

Tá Ana, mas conta pra gente: O que fazer?

Vocês sabiam que já existe no mercado os vidros de proteção solar? São vidros chamados inteligentes porque barram até 70% do calor e quase 100% dos raios UV, sem barrar muito a entrada de luz. Demais, não é? É uma tecnologia sensacional, da marca Habitat.

CEBRACE 4

CEBRACE-BRINQUEDOTECA-2-600x600

O mais bacana é que eles ainda geram economia de energia de até 30%, porque controlam a entrada de luz e reduzem a entrada de calor no ambiente, fazendo você aproveitar a luminosidade natural. Assim você não tem que ficar fechando as cortinas e acender as luzes durante o dia.

Fiquei super curiosa e interessada na ideia, até porque eles têm várias cores diferentes para as duas linhas, sendo que uma é Refletiva (espelhada), e a outra é Neutra (transparente). Então tem pra todos os gostos. Para quem mora em apê, a versão Habitat Neutro Incolor se parece com um vidro comum mas também tem os benefícios de um vidro de proteção solar. Como é transparente, pode ser usada sem alterar a fachada do prédio.

Para quem vai construir ou reformar, é uma boa dica, uma solução definitiva para proteger todos os nossos queridos móveis, cortinas, mantas, etc.

Para conhecer mais sobre a Habitat, visite o site e acompanhe a Fanpage da marca.

selopubli06-09-131

Não sou aloka por sapatos, apesar de meus olhinhos brilharem numa vitrine. Uso um tênis até ele pedir socorro de tão surrado, saltos não são mais a minha praia (Depois que tive filhos prezo muito pelo conforto), mas uso vez ou outra quando quero sair mais arrumadinha e adulta.

Fato é que conheço tantas amigas que piram em um calçado que inevitavelmente quando vi esse quarto lembrei de cada uma. Flavinha, te dedico. E amigas, na ausência de um closet tá valendo essa ideia de expor todos assim? Acho que sim, porque mantendo a organização e o cheirinho bom nos pés, fica até bem original.

quarto de louca por sapatos1

quarto de louca por sapatos10

Agora tirando o foco da super sapateira/vitrine que você consegue “imitar” facilmente usando estantes brancas basiconas que são vendidas em um monte de lojas brasileiras (Faça uma rápida pesquisa no google), vale prestar atenção nos outros detalhes desse quarto.

Gostei demais da paleta de cores e da mistura de elementos utilizados, como por exemplo, um vaso dourado em cima de um cestinho de palha. A cor areia na parede com quadrinhos em tons pasteis, as almofadas super em harmonia com os outros detalhes do quarto e com estampas e materiais variados, criando volume e deixando a cama mais aconchegante. Gosto de flores para decorar dormitórios, e se não der para ser naturais, faça alguns arranjos bonitos com flores artificiais.

quarto de louca por sapatos9

quarto de louca por sapatos2

quarto de louca por sapatos3

quarto de louca por sapatos4

quarto de louca por sapatos6

quarto de louca por sapatos7

Gostaram centopeias queridas?

Imagens

Chegou o momento de comprar a sua nova mesa de jantar e você esbarra naquela dúvida cruel: Qual a melhor opção? Melhor levar uma mesa retangular, quadrada ou redonda? Já passei por isso e te entendo muito bem.

Nós do #ACQMVQ e a Marabraz resolvemos então iluminar seus pensamentos, esclarecer algumas dúvidas e te ajudar nessa empreitada, rs. Vamos então te mostrar algumas opções e comentar algumas dicas?

Começando com as mesas retangulares que são ótimas pra quem tem família grande e também as minhas preferidas:

Geralmente são vendidas em três tamanhos diferentes como mostramos na figura abaixo. Se optar por uma mesa retangular fique atento se a circulação na sala de jantar não vai ficar comprometida.

01_MESAS_RETANGULARES_MARABRAS

As mesas quadradas pequenas são ideias para quem mora em casas e apartamentos pequenos. Outra vantagem é que elas deixam as pessoas frente a frente e mais próximas umas das outras, favorecendo a conversa. Também é o modelo ideal para “encostar” na parede, caso essa seja a sua intenção.

 

02_MESAS_QUADRADAS_MARABRAS

Lembro que durante toda a minha infância esse foi o modelo que tinha na casa dos meus pais, o tampo era meio solto e o meu sonho era sair girando, girando, girando…Hahaha. Voltando ao que interessa: Essa deve ser a opção de quem tem um espaço bacana em casa. Também são ótimas para quem tem filhos, já que o risco de acidentes em quinas é zero.

03_MESAS_REDONDAS_MARABRAS

-A mesa de jantar nunca deve ter a quantidade certa de cadeiras dos membros da família, pense que você eventualmente receberá visitas e também precisará acomodá-las. Some sempre dois assentos a quantidade de membros da casa.

-As cadeiras sem braços são as melhores opções também para cômodos pequenos.

-Para “expandir” o número de assentos, deixe banquinhos e pufes próximos a sua mesa de jantar.

- Sempre atento ao espaço de circulação e as medidas ideias que ilustramos nas imagens acima, você pode também decidir dependendo do formato do cômodo. Se a sala for quadrada, opte por uma mesa redonda, já no caso de sala retangular, a mesa retangular é uma boa escolha.

Tem alguma dúvida ou sugestão? Deixe aqui nos comentários e vamos papeando =)

 

SELO-marabraz